Titulo cretino para expor algo que eu já pensei e, em um momento ou em outro, todas as pessoas que já passaram por uma faculdade de comunicação já passaram: Ter a vontade de abrir uma empresa com os amigos. Então achei um post sobre isso no Web Worker Daily (Do you dare to work with friends/).

Já pensei muito nisso, principalmente quando as oportunidades e os convites vieram. E o que, segundo o WWD, devemos levar em conta como principais problemas em potencial?

Amigos podem não fazer o que você precisa que eles façam.
Amigos podem não saber o limite do que podem fazer, então eles acabam superestimando o seu valor.
Amigos podem tomar liberdades que estranhos não tomariam.
Amigos podem não trabalhar tão dedicadamente quanto estranhos.
Amigos podem não escutar.

Acho que os principais pontos são o terceiro e o quinto. E, se tivesse que escolher o mais importante, escolheira o quinto. Sabe por quê?

Amigos podem não levar tão a sério um puxão de orelha que, talvez, tenha sido dado de forma mais amena, obviamente por causa da amizade. E, quando alguém não te leva a sério, todo o trabalho pode ser pedido.

Outras coisas devem ser levadas em conta e, quando você vai trabalhar com um amigo, as perguntas que você deve fazer são: Você gostaria de trabalhar com essa pessoa se ela não fosse sua amiga? (ela tem talento, tem algo a acrescentar no negócio? Está junto porque agrega valor, ou é porque você gosta de beber com ela?). Somos amigos o suficiente para passarmos a semana inteira juntos? E, por último: Se essa empreitada der errado, existe uma grande possibilidade da nossa amizade terminar. Vale a pena?

Caso essas perguntas forem respondidas com um sim, e vocês começarem um negócio, a primeira coisa a fazer é colocar tudo no papel. Não duvido que vocês cheguem a brigar porque os dois querem pagar a cerveja que beberam quando foram decidir o início dos negócios. Mas existe a grande possibilidade de vocês brigarem para ver quem e como se paga as contas, ou pra onde vão os lucros…

Mas é engraçado… Tu não vai começar um negócio com uma pessoa em que não confie… E quem mais confiável que um grande amigo? Nada é fácil…

Anúncios